Bandsintown
get app
Sign Up
Log In
Sign Up
Log In

Phone icon
Get App
Artists & VenuesPromotersHelp
PrivacyTerms
Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e Dandara Tickets, Tour Dates and Concerts
Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e Dandara Tickets, Tour Dates and Concerts

Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e DandaraVerified

308 Followers
Never miss another Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e Dandara concert. Get alerts about tour announcements, concert tickets, and shows near you with a free Bandsintown account.
Follow

About Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e Dandara

DANDARA Cantora e atriz, iniciou suas atividades artísticas ainda criança quando subiu ao palco aos 10 anos para fazer um show cujo repertório passeava por canções de Celso Viáfora, Vicente Barreto e da tradição popular. Desde então não deixou mais o palco e o garimpo da canção brasileira, desenvolvendo ao longo desses anos um trabalho de pesquisa de voz e canções de compositores contemporâneos de todo Brasil, tendo participado de shows e discos de vários artistas como Celso Viáfora (SP) e Bruno Batista (MA). Dandara é reconhecida por ser uma intérprete vigorosa de grande técnica e força cênica. Já gravou, tocou e foi dirigida por renomados produtores, músicos e diretores como Swami Jr, Guilherme Kastrup, Mauricio Caruso e Marcelo Lazzaratto. Tem formação em Canto Popular pela ULM- Universidade Livre de Música Tom Jobim e já foi orientada por diversos mestres como Suely Mesquita (RJ), Sandra Espirezs (SP) e Jeannie LoVetri (NY-EUA). Gravou em 2012, com o produtor alemão Markus Popp, os discos “Calidostópia!” e “VOA” lançados fora do Brasil. Em 2016 foi artista convidada da Residenz PLUSbrasil, uma residência artística em Munique/Alemanha onde passou 3 meses e lançou o disco “Dois Tempos de Um Lugar” produzido por Swami Jr e Tó Brandileone com participação de Zeca Baleiro. Desenvolve uma parceria com Paulo Monarco no espetáculo musical “Dois Tempos de Um Lugar” que estreou em 2013, passando pelo Rio de Janeiro, São Paulo e interior paulista. No Brasil já foi premiada em mais de 30 festivais e mostras de música como Fampop (1o lugar em 2013), Botucanto (1o lugar e Melhor Intérprete em 2012), Festival de Música de Ilha Solteira (1o lugar em 2010 e 2013) e Prêmio Musique Estadão (2010). Paulo Monarco é cuiabano de Minas Gerais. Nasceu em 1987, em Belo Horizonte. Criado no Mato Grosso, inicia sua trajetória artística em Cuiabá, onde participa de diversos trabalhos como compositor, cantor e produtor musical. Em 2012, se radicou em São Paulo, onde vide atualmente. Já participou e foi premiado em mais de 70 festivais e mostras de música no Brasil, como Fampop, Botucanto, Fenac, Femucic, Conexão Vivo, entre outros. Em 2007, estreia o show “Paraíso Abissal”, no teatro do SESC Arsenal (MT), e em 2008 o show “Cotchano o Tchoro”, com clássicos do choro e incorporando a ele elementos da cultura regional mato-grossense, como a viola de cocho, mocho e o ganzá. Em 2009, realiza turnê nacional com o projeto “Música do Mato”, que passou por mais de sete estados do Brasil. Em 2010, lança “Malabares com Farinha”, disco gravado entre 2008 e 2009, no Mato Grosso, com produção de Alexandre Facchini. Em 2011, participa do show “Tempo Circular”, da compositora, cantora e escritora Dulce Quental. Nesse mesmo ano, a cantora Graça Cunha gravou a canção “A saber o sabor”, no álbum “Tiro de Letra”. Em 2012, a convite de Luiza Possi, participou do projeto “Casulo”, na casa de shows Tom Jazz, em São Paulo, ao lado das cantoras Dandara e Bárbara Rodrix. Em 2013, a convite de Lenine, participou do projeto “Inusitado - Lenine apresenta Cantautores”, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, junto a Carlos Posada, César Lacerda, Tó Brandileone e Lenine. Nesse mesmo ano, Celso Viáfora gravou as canções “Venha” e “Questão de fé”, duas de suas parceiras, no álbum-romance-ebook “Amores Absurdos”. E Pedro Viáfora gravou “Não dê bobeira”, no álbum “Feliz pra Cachorro”. ’Em 2015 Duda Brack gravou Venha e Lata de Tinta no álbum É. Nesse mesmo ano a cantora maranhense Cecília Leite gravou Tem Dó, parceria com Zeca Baleiro, no álbum Enquanto a Chuva Passa. Em 2016 a cantora paraense Aíla lança pela Natura Musical o álbum Em Cada Verso Um Contra-Ataque, com a canção O Amor é O Cão, parceria com Bruno Batista. Ainda em 2016 Zeca Baleiro gravou a parceria Desesperança (Sobre Poema de Sousândrade) no álbum Era Domingo, lançado pela Som Livre, com participação de Paulo Monarco no violão e vocais. Neste mesmo ano, compôs a canção tema do longa-metragem “Morra.com”, filme dirigido por Valter Lopes. Com a cantora e atriz Dandara, vem apresentando o espetáculo musical “Dois tempos de um lugar”, no qual assina parcerias com Álisson Menezes, Bruno Batista, Celso Viáfora, Kleuber Garcêz, Marcelo Segreto, Sandro Dornelles, Suely Mesquita, Tulio Borges e Zeca Baleiro. O álbum homônimo, financiado via crowdfunding e lançado na Europa, conta com a produção de Swami Jr (já produziu grandes discos de Maria Bethânia, Omara Portuondo, Chico César, Vanessa Da Mata, além de ser o atual diretor musical do icônico Buena Vista Social Club) e Tó Brandileone (integrante do grupo 5 a Seco), além da participação especial de Zeca Baleiro. ’Em 2016 participou como convidado da Residenz PLUSbrasil, uma residência artística em Munique/Alemanha. Em Vienna/Áustria se apresentou no festival Raw Matters, compondo uma trilha experimental junto ao artista plástico Danilo Oliveira, para o coreógrafo mexicano Martin Lanz Landazuri. No ateliê musical Cobogó vem produzindo trilhas e discos, além de um laboratório sonoro experimental e parcerias com César Lacerda, Dulce Quental, Raul Misturada, Vinicius Calderoni, Totonho & Os Cabra, Achiles e vários outros jovens compositores contemporâneos. "o amor passou aqui.."
Show More
Genres:
Música Brasileira
Band Members:
guitarra, Paulo Monarco :: voz, guitarra Dandara :: voz

No upcoming shows
Send a request to Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e Dandara to play in your city
Request a Show

Bandsintown Merch

Circle Hat
$25.0 USD
Live Collage Sweatshirt
$45.0 USD
Rainbow T-Shirt
$30.0 USD
Circle Beanie
$20.0 USD

About Dois Tempos de Um Lugar - Paulo Monarco e Dandara

DANDARA Cantora e atriz, iniciou suas atividades artísticas ainda criança quando subiu ao palco aos 10 anos para fazer um show cujo repertório passeava por canções de Celso Viáfora, Vicente Barreto e da tradição popular. Desde então não deixou mais o palco e o garimpo da canção brasileira, desenvolvendo ao longo desses anos um trabalho de pesquisa de voz e canções de compositores contemporâneos de todo Brasil, tendo participado de shows e discos de vários artistas como Celso Viáfora (SP) e Bruno Batista (MA). Dandara é reconhecida por ser uma intérprete vigorosa de grande técnica e força cênica. Já gravou, tocou e foi dirigida por renomados produtores, músicos e diretores como Swami Jr, Guilherme Kastrup, Mauricio Caruso e Marcelo Lazzaratto. Tem formação em Canto Popular pela ULM- Universidade Livre de Música Tom Jobim e já foi orientada por diversos mestres como Suely Mesquita (RJ), Sandra Espirezs (SP) e Jeannie LoVetri (NY-EUA). Gravou em 2012, com o produtor alemão Markus Popp, os discos “Calidostópia!” e “VOA” lançados fora do Brasil. Em 2016 foi artista convidada da Residenz PLUSbrasil, uma residência artística em Munique/Alemanha onde passou 3 meses e lançou o disco “Dois Tempos de Um Lugar” produzido por Swami Jr e Tó Brandileone com participação de Zeca Baleiro. Desenvolve uma parceria com Paulo Monarco no espetáculo musical “Dois Tempos de Um Lugar” que estreou em 2013, passando pelo Rio de Janeiro, São Paulo e interior paulista. No Brasil já foi premiada em mais de 30 festivais e mostras de música como Fampop (1o lugar em 2013), Botucanto (1o lugar e Melhor Intérprete em 2012), Festival de Música de Ilha Solteira (1o lugar em 2010 e 2013) e Prêmio Musique Estadão (2010). Paulo Monarco é cuiabano de Minas Gerais. Nasceu em 1987, em Belo Horizonte. Criado no Mato Grosso, inicia sua trajetória artística em Cuiabá, onde participa de diversos trabalhos como compositor, cantor e produtor musical. Em 2012, se radicou em São Paulo, onde vide atualmente. Já participou e foi premiado em mais de 70 festivais e mostras de música no Brasil, como Fampop, Botucanto, Fenac, Femucic, Conexão Vivo, entre outros. Em 2007, estreia o show “Paraíso Abissal”, no teatro do SESC Arsenal (MT), e em 2008 o show “Cotchano o Tchoro”, com clássicos do choro e incorporando a ele elementos da cultura regional mato-grossense, como a viola de cocho, mocho e o ganzá. Em 2009, realiza turnê nacional com o projeto “Música do Mato”, que passou por mais de sete estados do Brasil. Em 2010, lança “Malabares com Farinha”, disco gravado entre 2008 e 2009, no Mato Grosso, com produção de Alexandre Facchini. Em 2011, participa do show “Tempo Circular”, da compositora, cantora e escritora Dulce Quental. Nesse mesmo ano, a cantora Graça Cunha gravou a canção “A saber o sabor”, no álbum “Tiro de Letra”. Em 2012, a convite de Luiza Possi, participou do projeto “Casulo”, na casa de shows Tom Jazz, em São Paulo, ao lado das cantoras Dandara e Bárbara Rodrix. Em 2013, a convite de Lenine, participou do projeto “Inusitado - Lenine apresenta Cantautores”, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, junto a Carlos Posada, César Lacerda, Tó Brandileone e Lenine. Nesse mesmo ano, Celso Viáfora gravou as canções “Venha” e “Questão de fé”, duas de suas parceiras, no álbum-romance-ebook “Amores Absurdos”. E Pedro Viáfora gravou “Não dê bobeira”, no álbum “Feliz pra Cachorro”. ’Em 2015 Duda Brack gravou Venha e Lata de Tinta no álbum É. Nesse mesmo ano a cantora maranhense Cecília Leite gravou Tem Dó, parceria com Zeca Baleiro, no álbum Enquanto a Chuva Passa. Em 2016 a cantora paraense Aíla lança pela Natura Musical o álbum Em Cada Verso Um Contra-Ataque, com a canção O Amor é O Cão, parceria com Bruno Batista. Ainda em 2016 Zeca Baleiro gravou a parceria Desesperança (Sobre Poema de Sousândrade) no álbum Era Domingo, lançado pela Som Livre, com participação de Paulo Monarco no violão e vocais. Neste mesmo ano, compôs a canção tema do longa-metragem “Morra.com”, filme dirigido por Valter Lopes. Com a cantora e atriz Dandara, vem apresentando o espetáculo musical “Dois tempos de um lugar”, no qual assina parcerias com Álisson Menezes, Bruno Batista, Celso Viáfora, Kleuber Garcêz, Marcelo Segreto, Sandro Dornelles, Suely Mesquita, Tulio Borges e Zeca Baleiro. O álbum homônimo, financiado via crowdfunding e lançado na Europa, conta com a produção de Swami Jr (já produziu grandes discos de Maria Bethânia, Omara Portuondo, Chico César, Vanessa Da Mata, além de ser o atual diretor musical do icônico Buena Vista Social Club) e Tó Brandileone (integrante do grupo 5 a Seco), além da participação especial de Zeca Baleiro. ’Em 2016 participou como convidado da Residenz PLUSbrasil, uma residência artística em Munique/Alemanha. Em Vienna/Áustria se apresentou no festival Raw Matters, compondo uma trilha experimental junto ao artista plástico Danilo Oliveira, para o coreógrafo mexicano Martin Lanz Landazuri. No ateliê musical Cobogó vem produzindo trilhas e discos, além de um laboratório sonoro experimental e parcerias com César Lacerda, Dulce Quental, Raul Misturada, Vinicius Calderoni, Totonho & Os Cabra, Achiles e vários outros jovens compositores contemporâneos. "o amor passou aqui.."
Show More
Genres:
Música Brasileira
Band Members:
guitarra, Paulo Monarco :: voz, guitarra Dandara :: voz

Get the full experience with the Bandsintown app.
arrow